NORMA DE UTILIZAÇÃO DOS LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA

1 – Objetivos

Este documento regulamenta e normatiza o processo de utilização dos Laboratórios de Informática da ETEC Professora Anna de Oliveira Ferraz, de modo a sustentar o seu bom uso e funcionamento no âmbito acadêmico. 

Os Laboratórios caracterizam-se por sua natureza didático-pedagógica, servindo de complemento aos usuários, na busca pela informação e do conhecimento.

Os Laboratórios têm por finalidade atender aos alunos de todos os períodos e cursos oferecidos pela ETEC, permitindo a prática de atividades relacionadas ao ensino, à pesquisa e ao desenvolvimento do conhecimento.

Os Laboratórios de Informática da ETEC oferecem espaço e equipamentos de informática e multimídia para atividades de ensino, pesquisa e extensão, que visem especificamente a:

  • Estimular e promover o conhecimento das tecnologias informatizadas aplicadas à comunicação e ao aprendizado em geral aos alunos dos cursos regulares;
  • Desenvolver projetos de pesquisa e extensão individuais ou coletivos;
  • Dar o suporte as disciplinas dos cursos da ETEC.

Esta política de uso foi criada com os objetivos básicos de melhorar o gerenciamento dos equipamentos e serviços dos Laboratórios de Informática, bem como impedir o mal-uso destes recursos. Ela se baseia na ideia de que o acesso a estes recursos é um direito que gera deveres.

2 – O Laboratório

Os Laboratórios de Informática têm a missão de apoiar aos alunos oferecendo um ambiente favorável para realizações de trabalhos e pesquisas acadêmicas.

Todos os computadores possuem acesso à Internet, com uma boa velocidade, e bons equipamentos para propiciar conforto e agilidade. Todo acesso à rede é monitorado e toda tentativa de acesso aos sites são registradas e arquivadas para auditoria posterior.

Todos os alunos têm direito de utilizar os laboratórios e podem contar com auxílio de um responsável que está à disposição para esclarecer dúvidas e resolver problemas que venham a ocorrer durante a utilização.

Durante os horários de aula, o professor se torna responsável pela utilização do laboratório. A utilização do laboratório nos intervalos de aula deve ocorrer somente mediante a nomeação explícita e por escrito de um responsável.

Os ambientes descritos a seguir são parte integrante dos Laboratórios de Informática da ETEC e estão sujeitos às aplicabilidades descritas nesta norma. Os ambientes estão divididos da seguinte forma:

  • Laboratório 01 – Sede, prédio I, térreo
  • Laboratório 02 – Sede, prédio I, térreo
  • Laboratório 03 – Sede, prédio I, térreo
  • Laboratório 04 – Sede, prédio I, térreo
  • Laboratório 05 – Sede, prédio I, térreo
  • Laboratório 06 – Sede, prédio I, térreo
  • Laboratório 07 – Sede, prédio I, térreo
  • Laboratório 08 – Sede, prédio I, térreo
  • Laboratório de Gestão – Sede, prédio II, piso superior
  • Laboratório de Mecatrônica – Sede, prédio II, oficina
  • Núcleo de Informática – Sede, laboratório de Nutrição
  • Biblioteca Digital – Sede, biblioteca
  • Laboratório 01 – EEBA, prédio I, térreo
  • Laboratório 02 – EEBA, prédio I, térreo
  • Biblioteca Digital – EEBA, biblioteca

3 – Horário de Funcionamento do Laboratório

O horário de funcionamento pode ser consultado no Quadro de Horários, fixado nas portas de entrada dos Laboratórios de Informática. 

Durante as aulas, o docente tem o dever de não permitir a presença de alunos estranhos à aula, visando ao bom andamento dos trabalhos.

Os horários vagos podem ser utilizados pela comunidade acadêmica, assistidos por um responsável.

4 – Normas Gerais

Para a sua maior funcionalidade devem ser seguidas as normas abaixo apresentadas:

  1. O Laboratório de Informática destina-se a alunos, professores e funcionários.
  2. As atividades desempenhadas no Laboratório deverão ser restritas ao ambiente acadêmico e orientadas às disciplinas dos respectivos cursos.
  3. O Laboratório poderá ser utilizado de forma individual, para pesquisa e elaboração de trabalhos, ou coletiva, para aulas regulares.
  4. Em aulas coletivas, é de responsabilidade do professor da disciplina orientar os trabalhos e zelar pela ordem, conservação e utilização dos equipamentos.
  5. Ao término de cada utilização, o responsável deve:
  6. Verificar se nenhum material, cadernos, papéis, pendrives, ou outro tipo de pertence foi esquecido. Em caso de esquecimentos, encaminhar o material à Coordenação dos Laboratórios de Informática – CLI ou à Coordenação de Curso da Informática;
  7. Manter a ordem e a conservação do ambiente, recolocando as cadeiras em seus devidos lugares;
  8. Desligar corretamente os equipamentos presente no laboratório, retornando-os à posição de origem. Retornar monitores, gabinetes, mouses e teclados às suas posições de origem;
  9. Desligar luzes, aparelhos de ar condicionado e ventiladores, quando houver;
  10. Descartar no lixo qualquer resíduo deixado pelos utilizadores, mantendo o ambiente limpo para a próxima utilização;
  11. Comunicar ao CLI ou à Coordenação de Informática quaisquer ocorrências que achar necessário.
  12. Para a preservação do ambiente escolar necessário às atividades do Laboratório, é importante:
  13. Manter o silêncio;
  14. Preservar a ordem e limpeza do ambiente;
  15. Não escrever nas mesas, paredes ou equipamentos;
  16. Não colocar os dedos ou as mãos sobre a tela e nem objetos sobre o monitor;
  17. Não colocar sobre a mesa bolsas, capacetes, mochilas ou quaisquer outros objetos que possam derrubar ou danificar os equipamentos;
  18. Não comer ou beber nos laboratórios;
  19. Utilizar as instalações e os equipamentos do laboratório da forma recomendada pelos procedimentos da sala (em caso de dúvida, informar-se com os responsáveis); 
  20. Não fazer uso de aparelhos sonoros (MP3, celular entre outros).
  21. Ao fazer uso dos equipamentos, o aluno DEVE:
  22. Verificar se a máquina apresenta as condições necessárias para uso;
  23. Reportar qualquer problema ao responsável, caso constate alguma irregularidade;
  24. No caso de não observância do inciso anterior, a responsabilidade pela utilização passa a ser do próprio aluno.
  25. Ao fazer uso dos equipamentos, o aluno NÃO DEVE:
  26. Utilizar o equipamento com o intuito de alterá-lo, mudá-lo de posição, retirar acessórios, desconectar cabos ou retirar periféricos;
  27. Remover o equipamento do laboratório ou conectá-lo a qualquer outro equipamento;
  28. Causar danos aos equipamentos;
  29. Remover etiquetas ou quaisquer outras identificações existentes no equipamento;
  30. Instalar ou remover softwares, plugins, componentes ou outros itens de sistema sem prévia autorização por escrito do CLI;
  31. Alterar qualquer configuração de software, papel de parede ou outras sem prévia autorização por escrito do CLI.
  32. Acessar páginas da Internet sem conteúdo acadêmico ou que possam ser consideradas ilegais ou ofensivas à moral pessoal ou coletiva.
  33. O uso de equipamentos, acessórios, softwares, entre outros, deve ser objeto de requisição prévia pelo professor da disciplina ao responsável pela Coordenação dos Laboratórios de Informática – CLI.
  34. Fica expressamente proibida a instalação ou remoção de softwares, utilização de jogos eletrônicos, acesso a salas de bate-papo, sites pornográficos, sites de relacionamentos, com conteúdo discriminatório, redes sociais, sites de mensagens instantâneas, torpedos e jogos, mesmo que com autorização do responsável.
  35. Por questões legais referentes aos Direitos Autorais, não é permitida a gravação, reprodução, instalação ou a utilização de quaisquer programas sem a autorização ou permissão por escrito do responsável pela Coordenação dos Laboratórios de Informática – CLI.
  36. O descumprimento de qualquer artigo deste regulamento será considerado falta grave, com responsabilidade administrativa, civil e criminal, se o caso assim o fizer.
  37. É expressamente proibido o uso do Laboratório por pessoas estranhas ao meio acadêmico.
  38. Não serão permitidos nos Laboratórios:
  39. A entrada de qualquer pessoa portando lanches, bebidas e cigarros acesos, mesmo que eletrônicos;
  40. A prática de jogos, eletrônico ou não, exceto jogos com objetivo pedagógicos e previamente indicados por um professor;
  41. O uso de aparelhos eletrônicos, tais como telefones celulares e aparelhos similares;
  42. Sentar sobre as mesas ou colocar os pés sobre as mesas e cadeiras;
  43. A presença em aulas nos laboratórios de alunos de outras turmas;
  44. Como o uso dos Laboratórios de Informática é coletivo, a ETEC não se responsabiliza por documentos ou arquivos pessoais armazenados nas máquinas, bem como a integridade do Sistema Operacional no tangente à sua integridade de segurança (vírus, malwares, etc.). A ETEC também não é responsável por roubo de dados pessoais que possam ocorrer decorrente do mau uso dos equipamentos ou da navegação na Internet.
  45. A ETEC não recomenda que sejam feitos acessos à sites de bancos ou outros que possam ter sua forma de acesso capturada e sua identidade roubada (redes sociais, e-mails pessoais, etc.). Garanta sempre uma “Autenticação de 2 vias” para prevenir o roubo de seus dados pessoais.
  46. É de competência do responsável pela Coordenação dos Laboratórios de Informática – CLI estabelecer as demais normas e procedimentos para o bom andamento dos trabalhos no Laboratório e se manifestar nos casos omissos do presente Regulamento.

Prof. MSc Marcelo Teixeira Torres
Coordenador dos Laboratórios de Informática – CLI

Profa. Erica Scache Fabri
Coordenadora dos Cursos Técnicos em Informática

Profa. MSc Luciane Thomazini Furtado
Diretora

Comments are closed.

CLOSE
CLOSE